Sobre a Cachaçaria Victoria

Giovanni Nicolodi chegou ao Brasil em 1878, natural da região trentina, Tirol italiano com os filhos, Teresa, Giovanni e Beniamino. A família viveu por 20 anos na cidade de Bento Gonçalves no RS, colônia para a qual foi destinado.


Em 1903, A família migrou para Ibirubá, então distrito de Cruz Alta. Lá adquiriu novas terras e iniciou novas atividades como a produção da cachaça.


Giovanni e seu filho Beniamino, inicialmente fabricaram a cachaça artesanalmente, não chegando a registrar e comercializar o produto. Fabricavam para o consumo e muitas vezes distribuíam o excedente aos parentes e amigos.


Por algumas décadas e talvez por três gerações, a fabricação da cachaça continuou como uma tradição na família Nicolodi, passando de pai para filho. De Giovanni para Beniamino e mais tarde para seu filho Albino Nicolodi.